sexta-feira, 9 de abril de 2010

Quero...

Quero

Que todos os dias do ano

Todos os dias da vida


De meia em meia hora

De cinco em cinco minutos

Me digas: EU TE AMO!

Carlos Drummond de Andrade

5 comentários:

J@de disse...

Tudibão!!
Saudade docê heim moça??
Beijos!!

citadinokane disse...

Mari,
Hoje acordei com vontade de falar desse admirável mundo novo: blogosfera.
Até preparei um textinho para dizer que estamos no mesmo barco e findava com Drummond.
Beijos

citadinokane disse...

Chego aqui e encontro o bom Drummond, com uma simplicidade estonteante... Eu te amo! Ahahaha...

Anônimo disse...

Please see! Money as debt

http://www.youtube.com/watch?v=vVkFb26u9g8

ZEITGEIST: ADDENDUM

http://www.zeitgeistmovie.com/

project camelot magnetic motor

http://www.youtube.com/watch?v=hkgyY47duCM

Importante please pass forward

Bruna Clavé Eufrasio. disse...

Poesia adoça a boca, sangue tudo tudo é lindo na poesia.