sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Fim de dezembro...

... e tudo passou, o que falo, escrevo, já é passado. Começar o ano é idéia nossa. Tudo não passa de um ponteiro de relógio do qual fazemos a magia das horas. Os fogos de artifícios clareando o céu, o desejo, o abraço das pessoas. Uma mudança que temos momentaneamente dentro de nós. Queremos mudar, mas tudo depende de nós. Daqui a pouco é um "novo" dia. E tudo começa novamente...Tin tin para este "recomeço". Feliz Ano Novo!


Procuro uma alegria

uma mala vazia

do final do ano

e eis que tenho na mão

- flor do cotidiano -

é voo de um pássaro

é uma canção.

(dezembro de 1968)

Carlos Drummond de Andrade

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Tortura...


mariah - olhares.com

Tirar dentro do peito a Emoção,
A lúcida verdade, o Sentimento!
- E ser, depois de vir do coração,
Um punhado de cinza esparso ao vento!...

Sonhar um verso de alto pensamento,
E puro como um ritmo de oração!
- E ser, depois de vir do coração,
O pó, o nada, o sonho dum momento...

São assim ocos, rudes, os meus versos:
Rimas perdidas, vendavais dispersos,
Com que eu iludo os outros, com que minto!

Quem me dera encontrar o verso puro,
O verso altivo e forte, estranho e duro,
Que dissesse, a chorar, isto que sinto!!

Florbela Espanca


domingo, 26 de dezembro de 2010

Do you speak americano?...

Yolanda be cool - é uma banda australiana, formada por Silvester Martinez e Johnson Peterson. Eles colaboraram com o produtor DCUP - nome artístico de Duncan MacLennan, que é contemporâneo de Martinez e Johnson - para lançarem um single internacional We no speak americano, na gravadora indie Sweat It Out que eles fundaram, a amostragem da música "Tu Vuò Fa'L'Americano", sucesso de 1956, originalmente cantado por Renato Carosone, e escrito por ele e Nicola "Nisa" Salermo.

We no speak americano, liderou as paradas do Reino Unido, Dinamarca, Holanda e Suécia, e chegou ao Top 5 na Austrália, Bélgica, Espanha e Noruega. Também foi um hit na Itália, Nova Zelândia e vários outros países. O vídeo clipe do single foi dirigido por Andy Hylton em Lutimedia.

Antes da batida, eles tinham colaborado com DCUP quando remixou seu hit Afro Nuts em 2009.
O nome da banda é uma referência a uma cena do filme Pulp Fiction, onde o personagem de Samuel L. Jackson, Jules Winnfield, grita: "Yolanda, fique calma" para uma assaltante armada chamada Yolanda (interpretada por Amanda Plummer). Sua faixa Villalobos For Presidente refere-se ao caráter de Esmeralda Villalobos, interpretada por Angela Jones. (fonte: wikipédia)


As letras são cerca de um italiano que imita o estilo de vida contemporâneo e age como um ianque. A canção é geralmente considerada uma sátira sobre o processo de americanização que ocorreu no pós-guerra anos iniciais, quando o sul da Itália ainda era uma tradicional sociedade rural. (mais informações - wikipédia)

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Natal...

Enfim, uma boa notícia a todos...

ricardo dinis - olhares.com

FELIZ NATAL!!!

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Vamos aprender a sonhar...

Muito linda mensagem postada no blog da Flor.




E assim, depois de muito esperar, num dia qualquer, decidi triunfar...
Decidi não esperar as oportunidade e sim, eu mesmo buscá-las
Decidi ver cada problema como uma oportunidade de encontrar uma solução.
Decidi ver cada deserto como uma oportunidade de encontrar um oásis
Decidi ver cada noite como um mistério a resolver.
Decidi ver cada dia como uma oportunidade de ser feliz.
Naquele dia, descobri que meu único rival não era mais que as minhas próprias limitações
e que enfrentá-las era a única e a melhor forma de as superar.
Naquele dia, descobri que eu não era o melhor e que talvez eu nunca tivesse sido.
Deixei de me importar com quem ganha ou perde.
Aprendi que o difícil não é chegar lá em cima, e sim deixar de subir.
Aprendi que o melhor triunfo e poder chamar alguém de "amigo".
Descobri que o amor é mais que um simples estado de enamoramento,
o "amor é uma filosofia de vida".
Naquele dia, deixei de ser os reflexos de meus escassos triunfos passados
e passei a ser uma tênue luz no presente.
Aprendi que de nada serve ser luz
se não iluminar o caminho dos demais.
Naquele dia, decidi trocar tantas coisas...
Naquele dia, aprendi que os sonhos existem para tornarem-se realidade.
E desde aquele dia, já não durmo para descansar...
Simplesmente, durmo para sonhar.

Walt Disney

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Confissão...

...eu quero paz!

olhares.com

Que esta minha paz e este meu amado silêncio
Não iludam a ninguém
Não é a paz de uma cidade bombardeada e deserta
Nem tampouco a paz compulsória dos cemitérios
Acho-me relativamente feliz
Porque nada de exterior me acontece...
Mas,Em mim, na minha alma,
Pressinto que vou ter um terremoto!

Mário Quintana

sábado, 11 de dezembro de 2010

E por falar em saudade...

...hoje, 11-12-2010, comemora-se o centenário de Noel Rosa (nascido no dia 11-12-1910), que aos 26 anos de vida revolucionou a música popular brasileira... (mais informações)





Com que roupa?


quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Charles Chaplin...

Ah! Saudade que me consome...



joaquim pereira - olhares.com

Sorri quando a dor te torturar
E a saudade atormentar
Os teus dias tristonhos, vazios

Sorri quando tudo terminar
Quando nada mais restar
Do teu sonho encantador

Sorri quando o sol perder a luz
E sentires uma cruz
Nos teus ombros cansados, doloridos

Sorri vai mentindo a sua dor
E ao notar que tu sorris
Todo mundo irá supor
Que és feliz

domingo, 5 de dezembro de 2010

O gosto de ti...

...

anna claudia speck - olhares.com

"Gosto e preciso de ti,
mas quero logo explicar
não gosto porque preciso
preciso sim por gostar"

(Mário Lago)

Imagem do dia...

Eu também sou Flu!


quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Liberdade...

...

bruno paixão - olhares.com
I
Vamos meu anjo, fugindo,
A todos sempre sorrindo,
Bem longe nos ocultar
Como boêmios errantes,
Alegres e delirantes
Por toda parte a vagar

...

(Castro Alves - Sonhos de Boêmia - poema completo)

Num leque...


isabel gomes da silva - olhares.com


Na gaze loura d´este leque adeja
Não sei que aroma místico e encantado...
Doce morena! Abençoado seja
O doce aroma do teu leque amado!

Quando o entreabres, a sorrir, na igreja,
O templo inteiro fica embalsamado...
Até minh´alma carinhosa o beija,
Como a tolha de um altar sagrado.

E enquanto o aroma inebriante voa,
Unidos aos hinos que, no coro, entoa,
A voz de um órgão soluçando dores,

Só me parece que o chororo canto,
Sobe da gaze do teu leque santo,
Cheio de luz e de perfumes e flores!

Auta de Sousa (biografia - wikipédia)

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Gata todo dia...

Há pouco ouvia esta música. Hum, alguns pontos me identifico, especialmente o da preguicinha, rsrsrsrsrs. Aí o vídeo, para lembrar, curtir e se sentir gata todo dia...

Composição: Léo Jaime / Tavinho Moraes e Marina Lima


Eu sou uma gata
E não gosto de água fria
Pega logo no meu pêlo
Seu carinho me arrepia
Não quero água
Tomo banho de lambida
Tiro o gosto desse corpo
E ainda tenho sete vidas

sergio de paula - olhares.com

Então se toque
Porque o amor não é
Só distração
A vida arranha
Eu faço rock
Eu faço manha
Meu bem me dê sua atenção



Não faço nada
E ainda morro de preguiça
Tenho sono o dia inteiro
Madrugada é que me atiça
Não tenho dono
Mando na minha cabeça
Um dia desses eu me mando
Enquanto isso não se esqueça

Tome cuidado
Porque o amor não é
Só distração
A vida arranha
Eu faço rock
Eu faço manha
Meu bem me dê sua atenção

domingo, 7 de novembro de 2010

O teu cheiro...

kristinna - olhares.com

O teu cheiro me faz calar,
apenas sentir, sentir e sentir...
O cheiro do teu suor
misturado a um resto de perfume
me faz delirar
entre o meu olfato
e os teus beijos
O teu corpo reflete a minha alma
em anseios, num êxtase sem fim...
Como quero teus beijos ardentes,
e apenas te sentir, sentir e sentir...

sábado, 6 de novembro de 2010

A Esperança...

...

pedro nossol - olhares.com

A Esperança não murcha, ela cansa,
Também como ela não sucumbe a Crença.
Vão-se os sonhos nas asas da Descrença
Voltam os sonhos nas asas da Esperença.

Muita gente infeliz assim não pensa;
No entanto o mundo é uma ilusão completa,
E não é a Esperança por sentença
Este laço que ao mundo nos manieta?

Mocidade, portanto, ergue o teu grito,
Sirva-te a crença de fanal bendito,
Sirva-te a glória no futuro - avança!

E eu, que vivo atrelado ao desalento,
Também espero o fim do meu tormento,
Na voz da morte a me bradar: descança!

Augusto dos Anjos

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Arte...

Aqui me vejo à espreita da arte, de uma saudade impressionista...

Berthe Morisot - Dans les jardins de Maurecourt -
Toledo Museum of Art. Ohio - 1884

sábado, 30 de outubro de 2010

Serenata...

...


noite de saudade - luiz fernando melo -
olhares.com

"Permita que eu feche meus olhos,
pois é muito longe e tão tarde!
Pensei que era apenas demora,
e cantando, pus-me a esperar-te,
Permita que agora emudeça:
que me conforme em ser sozinha.
Há uma doce luz no silêncio, e a dor é de origem divina.
Permita que eu volte o meu rosto para um céu maior que este mundo,
e aprenda a ser dócil no sonho como as estrelas no seu rumo."

Cecília Meireles

sábado, 23 de outubro de 2010

Música...


A banda de rock Oasis, de Manchester - Inglaterra - surgiu no cenário mundial em 1994, sendo uma das mais aclamadas dos anos 90. Integrantes da banda os irmãos Liam Gallagher e Noel Gallagher começaram a se desentender e no dia 28 de agosto do 2009, Noel Gallagher anunciou a sua saída da banda, deixando-a com um futuro incerto. Liam Gallagher, em entrevista no dia 8 de outubro do ano passado, anunciou ao The Times, o fim da banda, que marcou a geração dos anos 90, ao lado de Nirvana, Radiohead, Faith No More e Guns N'Roses. Vendeu mais de 50 milhões de discos desde 1994. (fonte: wikipédia)

Dentre as músicas do Time Flies... 1994-2009, "Don't look back in anger" (letra e tradução), é uma das que mais gosto. Vale a pena ouvir.



domingo, 17 de outubro de 2010

Fernando Pessoa...

Eu não sei escrever, ou melhor, descrever, o que senti naquele momento. O tempo passa, não te dá espaço para muito pensar, e quando acontece ele já se foi, já é outro instante. Divago por entre linhas imaginárias do meu horizonte. Um retrospecto me sacode, mas não quero acordar, encontrei aqui, a minha poesia que me ajudou nessa descrição...


olhares.com

De quem é o olhar
Que espreita por meus olhos?
Quando penso que vejo,
Quem continua vendo
Enquanto estou pensando?
Por que caminhos seguem?
Não os meus tristes passos,

Mas a realidade
De eu ter passos comigo?
Às vezes na penumbra
Do meu quarto, quando eu
Por mim próprio mesmo
Em alma mal existo,

Toma um outro sentido
Em mim o Universo -
É uma nódoa esbatida
De eu ser consciente sobre
Minha idéia das coisas.

Se acenderam as velas
E não houver apenas
A vaga luz de fora -
Não sei que o cadeeiro
Aceso onde na rua -
Terei foscos desejos
De nunca mais haver mais nada
No universo e na vida
De que o obscuro momento
Que é minha vida agora!

Um momento afluente
Dum rio sempre a ir
Esquecer-se de ser,
Espaço misterioso
Entre espaços desertos
Cujo sentido é nulo
E sem ser nada a nada
E assim a hora passa
Metafisicamente.

terça-feira, 12 de outubro de 2010

Saudade...

...

olhares.com

"A saudade eterniza a presença de quem se foi. Com o tempo esta dor se aquieta, se transforma em silêncio que espera, pelos braços da vida um dia reencontrar."
(Pe. Fábio de Melo)

Ser criança...

Dispensa comentário essa composição de Toquinho. Além de maravilhosa, realista.

jvc - joão vicente - olhares.com

É bom ser criança

Composição: Toquinho

É bom ser criança
Ter de todos atenção
Da mamãe carinho
Do papai a proteção.
É tão bom se divertir
E não ter que trabalhar
Só comer, crescer, dormir, brincar.

É bom ser criança
Isso às vezes nos convém
Nós temos direitos
Que gente grande não tem.
Só brincar, brincar, brincar.
Sem pensar no boletim.
Bem que isso podia nunca mais ter fim.

É bom ser criança
E não ter que se preocupar
Com a conta no banco
Nem com filhos pra criar
É tão bom não ter que ter
Prestações pra se pagar
Só comer, crescer, dormir, brincar

É bom ser criança
Ter amigos de montão
Fazer cross saltando,
Tirando as rodas do chão,
Soltar pipas lá no céu,
Deslizar sobre patins,
Bem que isso podia nunca mais ter fim

terça-feira, 21 de setembro de 2010

Natureza...

Hoje é o Dia da Árvore.
Onde ela está??
Nada substitui a sombra de uma árvore. Portanto,...
Não desmate.
Preserve.

marques - olhares.com

A natureza agradece.

domingo, 12 de setembro de 2010

...

"Lembra-te sempre: cada dia nasce de um novo amanhecer."

"A vida, como a fizeres, estará contigo em qualquer parte."

Chico Xavier

olhares.com

Tiveste que partir meu irmão,
chegou a tua hora.
A vida separou nossos caminhos
em algum momento.
Mas, continua de forma que...
Ficaram as lembranças
dos momentos felizes
que tivemos na infancia
que foste meu companheiro
nas horas alegres
nas brincadeiras de criança
para sempre saudade, em meu coração...

Para meu irmão Benedito Santos...

terça-feira, 7 de setembro de 2010

Frases do dia...

"As leis são sempre úteis aos que têm posse e nocivas aos que nada têm."


ganância - Dr. Voyour - olhares.com

"O homem nasceu livre e por toda a parte vive acorrentado"

Jean-Jacques Rousseau

domingo, 5 de setembro de 2010

Mensagem para você...

Se o poeta assim disse, faço minhas as suas palavras...

"A cada dia que vivo, mais me convenço de que o desperdício da vida está no amor que não damos, nas forças que não usamos, na prudência egoísta que nada arrisca e que, esquivando-nos do sofrimento, perdemos também a felicidade". Eu me interesso... e digo: Te amo!!

Carlos Drummond de Andrade

sábado, 4 de setembro de 2010

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

Elvis - 33 anos

Elvis Aaron Presley - East Tupelo, Mississipi (8 de janeiro de 1935) - Memphis, Tennessee, 16 de agosto de 1977. E a frase: "Elvis não morreu". Continua vivo dentro de nós. Quantas lembranças boas de seus filmes que muitas vezes assisti durante as tardes, e de sua inesquecível voz...

Elvis em turne - 1972

quinta-feira, 12 de agosto de 2010

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Abandono...

O meu e o teu querer...


olhares.com - mariah

Dá-me o teu corpo
Em troca, te dou o meu
Dá-me teu folego
Em troca, te dou o meu desejo
Dá-me teu querer
Em troca, te dou a minha pegada
Dá-me o teu sexo
Em troca, te dou
O meu frenesi...

***************************************************************************

"Suponho que me entender não é uma questão de inteligência e sim de sentir, de entrar em contato...

Ou toca, ou não toca." (Clarice Lispector)

domingo, 18 de julho de 2010

quinta-feira, 24 de junho de 2010

VJ Day na Time Square - 14 de agosto de 1945...

O beijo...

Foto: Alfred Eisenstaedt, na Time Square, em Nova York (1945)


A enfermeira Edith Shain, que ficou famosa pela foto acima, quando foi beijada por um marinheiro americano que comemorava o final de Segunda Guerra Mundial, morreu nesta terça-feira, aos 91 anos, segundo informações de sua família. (fonte: wikipédia)

sábado, 12 de junho de 2010

Namorados...

A autoria deste poema é desconhecida, mas amei e resolvi copiar e postar estas lindas palavras, oriundas do coração e da saudade. Façamos de conta então, que somos eternos namorados...

paulo mendes - olhares.com

Faz de conta

Faz de conta que ainda sou seu namorado,
portanto faça desse dia um amontoado,
um emaranhado
de lembranças boas.
Faça loas,
aos melhores momentos,
aos tormentos
de um quase-amor,
ao torpor da dor que não sentimos,
da negação confirmada do que podia ser.
Faz de conta que hoje é nosso dia -
quem diria (!) -
lembrado com cerimônia
de saudade,
de lampejos de querer
do que ainda pode ser (?).
Faz de conta que você ainda é
Minha namorada,
a amada,
a minha "silhueta fina"
de quem um dia vou ter ciúme,
como o poeta romântico
que lamentou em cântico
a desventura ímpar
do primeiro olhar

domingo, 30 de maio de 2010

Mensagem do dia...

"Plante amor e paz e a vida lhe trará colheita de paz e amor."


claudio márcio lopes - olhares.com

"Não exijas dos outros qualidades que ainda não não possuem."

(Chico Xavier)

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Clarice Lispector...


olhares.com

"Minha força está na solidão. Não tenho medo nem de chuvas tempestivas nem de grandes ventanias soltas, pois eu também sou o escuro da noite." (Clarice Lispector)

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Meu aniversário...

Ganhei este mimo da amiga Mari(lidia), minha colega de trabalho, que me enviou por e-mail, achando que não iria me abraçar hoje, e ela já tinha ido me procurar sala, e eu também havia esquecido meu celular no trabalho, coisa rara de acontecer. Cheguei um pouco mais tarde, estava com um pouco de denguinho e diga-se de passagem, a famosa preguicinha, rsrsrsrs.


Bom, como dizem, mais uma primavera, mais um ano de muitas lutas, mas também de conquistas, uma delas é aprender que todos os dias são importantes em nossas vidas. Fazer de cada momento um aprendizado, buscando atrair bons fluidos para nos energizar durante todos os dias do ano. Há pouco recebi ligação da Flor (Codinome Beija-Flor), adorei. Que bom sermos lembrados pelos amigos que ainda que geograficamente distantes, lembram de nós com carinho. Agradeço a Deus por este dia feliz e a todos os parabéns recebidos, e também perdoo os esquecidos tá! rsrsrsrs. Fazer aniversário com vocês é muito bom! Bjs
Mari

quinta-feira, 20 de maio de 2010

Florbela Espanca...

...


olhares.com

A tua voz na primavera

Manto de seda azul, o céu reflete
Quanta alegria na minha alma vai!
Tenho os meus lábios úmidos: tomai
A flor e o mel que a vida nos promete!

Sinfonia de luz meu corpo não repete
O ritmo e a cor dum mesmo beijo...olhai!
Iguala o sol que sempre às ondas cai,
Sem que a visão dos poentes se complete!

Meus pequeninos seios, cor de rosa
Só os roça ou prende a tua mão nervosa,
Têm a firmeza elástica dos gamos...

Para os teus beijos, sensual, flori!
Eamendoeira em flor, só ofereço os ramos,
Só me exalto e sou linda para ti!

domingo, 9 de maio de 2010

Imagem google...

Imagem do dia (google). Gostei!



Na minha opinião: Basta ser mulher, para ser mãe...

Mãe...




josé luis magalhães - olhares.com


Renovadora e reveladora do mundo
A humanidade se renova no teu ventre
Cria teus filhos,
não os entregue à creche
Creche é fria, impessoal.
Nunca será um lar
para teu filho.
Ele, pequenino, precisa de ti.
Não o desligue da tua força maternal.

Que pretendes, mulher?
Independência, igualdade de condições...
Empregos fora do lar?
És superior a àqueles.
que procuras imitar.
Tens o dom divino
de ser mãe.
Em ti está presente a humanidade.

Mulher, não te deixes castrar.
Serás um animal somente de prazer
e às vezes nem mais isso.
Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
Tumultuada, fingindo ser o que não és.
Roendo teu osso negro da amargura.

Cora Coralina

domingo, 18 de abril de 2010

Para refletir...

A semana e a vida inteira...


"Fácil é sair com várias pessoas a longo da vida. Difícil é entender que pouquíssimas vão te aceitar como você é e fazer feliz por inteiro. Difícil é ocupar o coração de alguém. Saber que se é realmente amado."

(Carlos Drummond de Andrade)

domingo, 11 de abril de 2010

Mário Quintana...

Boa semana a todos...



Eu agora - que desfecho!
Já nem penso mais em ti
Mas será que nunca deixo
De lembrar que te esqueci

sexta-feira, 9 de abril de 2010

Quero...

Quero

Que todos os dias do ano

Todos os dias da vida


De meia em meia hora

De cinco em cinco minutos

Me digas: EU TE AMO!

Carlos Drummond de Andrade

sexta-feira, 2 de abril de 2010

Cem anos - Chico Xavier

Cem anos de mensagens de luz, amor e paz...



Francisco Cândido Xavier (Pedro Leopoldo - 02 de abril de 1910 - Uberaba - 30-06-2002.

imagem - olhares.com

A gente pode morar numa casa mais ou menos, numa rua mais ou menos, numa cidade mais ou menos ou até mesmo ter um governo mais ou menos.

A gente pode dormir numa cama mais ou menos, comer um feijão mais ou menos, ter um transporte mais ou menos, ou até mesmo ser obrigado a acreditar mais ou menos no futuro.

A gente pode olhar em volta e dizer que está tudo mais ou menos.

Tudo bem!

O que a gente não pode mesmo, nunca de jeito nenhum

é amar mais ou menos, sonhar mais ou menos, ser amigo mais ou menos, namorar mais ou menos, ter fé mais ou menos, e acreditar mais ou menos.

Senão a gente corre o risco de se tornar uma pessoa mais ou menos.

domingo, 28 de março de 2010

Depois que todos foram...

...


victor melo - olhares.com

Depois que todos foram
E foi também o dia
Ficaram entre as sombras
Das áleas do ermo parque
Eu e a minha agonia.

A festa fora alheia
E depois que tudo acabou
Ficaram entre as sombras
Das áleas apertadas
Quem eu fui e quem sou.

Tudo fora por todos
Brincaram, mas enfim
Ficaram entre as sombras
Das áleas apertadas
Só eu, e eu sem mim.

Talvez que no parque antigo
A festa volte a ser
Ficaram entre as sombras
Das áleas apertadas
Eu e quem não sei ser.

(Fernando Pessoa)

segunda-feira, 15 de março de 2010

Saudade...

...que não quer nos deixar...



nuno sampaio - olhares.com

Hoje que a mágoa me apunhala o seio,
E o coração me rasga atroz, imensa,
Eu a bendigo da descrença em meio,
Porque eu hoje só vivo da descrença.

À noite quando em funda soledade
Minh'alma se recolhe tristemente,
Pra iluminar-me a alma descontente,
Se acende o círio triste da Saudade.

E assim afeito às mágoas e ao tormento,
E à dor e ao sofrimento eterno afeito,
Para dar vida à dor e ao sofrimento,

Da saudade na campa enegrecida
Guardo a lembrança que me sangra o peito,
Mas que no entanto me alimenta a vida.

Augusto dos Anjos

segunda-feira, 8 de março de 2010

Mulher...

A todas a mulheres neste dia especial...


graça loureiro - olhares.com


Sexo frágil

Composição: Erasmo Carlos e Narinha

Dizem que a mulher é o sexo frágil
Mas que mentira absurda
Eu que faço parte da rotina de uma delas
Sei que a força está com elas
Vejam como é forte a que eu conheço
Sua sapiência não tem preço
Satisfaz meu ego se fingindo submissa
Mas no fundo me enfeitiça
Quando eu chego em casa à noitinha
Quero uma mulher só minha
Mas pra quem deu luz não tem mais jeito
Porque um filho quer seu peito
O outro já reclama a sua mão
E o outro quer o amor que ela tiver
Quatro homens dependentes e carentes
Da força da mulher
Mulher, mulher
Do barro de que você foi gerada
Me veio inspiração
Pra decantar você nessa canção
Mulher, mulher
Na escola em que você foi ensinada
Jamais tirei um dez
Sou forte mas não chego aos seus pés

domingo, 7 de março de 2010

Mãe...

fátima condenço - olhares.com


Renovadora e reveladora do mundo
A humanidade se renova no teu ventre.
Cria teus filhos,
não os entregues à creche.
Creche é fria, impessoal.
Nunca será um lar
para teu filho.
Ele, pequenino, precisa de ti.
Não o desligues da tua força maternal.

Que pretendes, mulher?
Independência, igualdade de condições...
Empregos fora do lar?
És superior àqueles
que procuras imitar.
Tens o dom divino
de ser mãe
Em ti está presente a humanidade.

Mulher, não te deixes castrar.
Serás um animal somente de prazer
e às vezes nem mais isso.
Frígida, bloqueada, teu orgulho te faz calar.
Tumultuada, fingindo ser o que não és.
Roendo o teu osso negro da amargura.

Cora Coralina

sexta-feira, 5 de março de 2010

Amor...

"O amor perfeito é a mais bela das frustrações,

pois está acima do que se pode exprimir."


marcelo hoffman - olhares.com


- Charles Chaplin -


sábado, 27 de fevereiro de 2010

Túnel do tempo...

Ícones da canção brasileira que tiveram seus momentos de glória em tempos idos, que por algum motivo foram esquecidos, mas aqui serão lembrados, pois tiveram grande importância na nossa cultura musical...

Secos & Molhados foi uma banda brasileira, criada pelo compositor João Ricardo em 1971. Canções do folclore português, como "O Vira", misturadas com a poesia de Cassiano Ricardo, João Apolinário, Vinícius de Moraes e Fernando Pessoa, entre outros, fizeram do grupo um dos maiores fenômenos musicais do Brasil.

Os Secos & Molhados se tornaram um dos maiores fenômenos da música popular brasileira, batendo todos os recordes de vendagens de discos e público. O disco era formado por treze canções que ao ver da crítica, parecem atuais até os dias de hoje. As canções mais executadas foram "Sangue Latino", "O Vira", e "Rosa de Hiroshima". O disco também destaca inúmeras críticas a ditadura militar que estava implantada no Brasil, em canções como o blues alternativo "Primavera nos Dentes" e o rock progressivo "Assim Assado" – esta de forma mais explícita em versos que personificam uma disputa entre socialismo e capitalismo. Até mesmo a capa do disco foi eleita pela Folha de São Paulo como a melhor de todos os tempos de discos brasileiros.


O sucesso do grupo atraiu a atenção da mídia, que convidou-os para várias participações na televisão. As mais relevantes foram os especiais do programa Fantástico, da Rede Globo. Sempre apareciam com maquiagens inusitadas, roupas diferentes sendo uma das primeiras e poucas bandas brasileiras a aderirem o glam rock.

Em fevereiro de 1974, fizeram um concerto no Maracanãzinho que bateu todos os índices de público jamais visto no Brasil - enquanto o estádio comportava 30 mil pessoas, outras 90 mil ficaram do lado de fora[1]. Também em 1974 o grupo sai em turnê internacional, que segundo Ney Matogrosso, gerou oportunidades de criar uma carreira internacional sólida.

Em agosto do mesmo ano, é lançado o segundo disco de estúdio da banda, que tinha em destaque "Flores Astrais", único hit do disco. O lançamento do disco foi pouco antes do fim da formação clássica da banda, que ocorreu por brigas internas entre os membros. Talvez por este motivo o segundo álbum – que veio sem título, e com uma capa preta – não tenha feito tanto sucesso comercial como o primeiro. (Fonte: wikipédia)