sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Ambiciosa...

Passarão os fantasmas, os vagabundos, que foram amados pela poesia...


olhares.com

Para aqueles fantasmas que passaram,
Vagabundos a quem jurei amar,
Nunca os meus braços lânguidos traçaram
O voo dum gesto para os alcançar...

Se as minhas mãos em garra se cravaram
Sobre um amor em sangue a palpitar...
- Quantas panteras bárbaras mataram
Só pelo raro gosto de matar!

Minh'alma é como uma pedra funerária
Erguida na montanha solitária,
Interrogando a vibração dos céus!

O amor dum homem?
- Terra tão pisada,
Gota de chuva ao vento baloiçada...
Um homem?
- Quando eu sonho o amor dum Deus!...

(Florbela Espanca)

9 comentários:

Codinome Beija-Flor disse...

EBAAAAAAAAAAAAAA!!
Lá se foram os fantasmas do silêncio.
Você voltou.
Bom demais vc aqui.
Saudades.
Bjos

Codinome Beija-Flor disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
maria ferraz disse...

Florbela, eternamente!
Ótimo blog!
Gostei de tudo, inclusive do seu silêncio, ehehehe...
Maria Ferraz

Luciane Fiuza disse...

Seja bem-vinda, amiga. Voltou com tudo, não é?!

Tô levando um post do "alquimia" para o "simplesmente", espero que não se incomode. Olha só o que me veio agora, mari, estes dois nomes de blog: Pedra de Lu e Simplesmente Alquimia, que tal?... srsrsrrs

Bjs! Lu.

Ivan Daniel disse...

Que bom entrar aqui e ver atualização. Tô feliz!

Márcia(clarinha) disse...

Florbela e seus fantasmas se transformando em poesia, passam deixando rastros...

lindo dia flor
beijos

Teca Gama disse...

Belaza, até que enfim vc voltou pra brindar a gente com o seu bom gosto literário.

Bjs

Márcia(clarinha) disse...

Linda semana flor
beijos

Mari disse...

Flor,

Na realidade eu nunca fui...


_________________________________

Maria Ferraz,

Visitei seu blog e adorei. Voltarei mais vezes.

Obrigada pela visita.

___________________________________

Lu,

Fique à vontade. O que você escolher, tenho certeza, será de muito bom gosto.

Bj

___________________________________

Ivan,

Se é para o bem de todos, eu nunca fui, tá?! Rsrsrs...

Bjs

__________________________________

Marcinha,

Esses fantasmas não me deixam. Eles se alimentam de poesia, mas são do bem...

Bela semana pra você! Aliás meio, já.

Bjs

__________________________________


Tekinha,

E u n u n c a f u iiiii... rsrsrsrs...

Bj